Arquivo da categoria: Cinema

Vinte Anos sem Fellini (por Arnaldo Jabor)

Na mesma folha de jornal em que leio o artigo que compartilho a seguir (um artigo que eu próprio gostaria de ter escrito) vejo também um festival temático de cinema messiânico: cinema como estopim de uma engenharia social, cinema transformação, … Continuar lendo

Publicado em (... LITURAS PRÓPRIAS ...), Cinema | Marcado com , | Deixe um comentário

Uma passagem para nada

Após outras tentativas de circulação entre os meios culturais de Recife, cidade em evidência por ser um caldeirão ativo onde borbulham novidades musicais e cinematográficas a todo instante, retorno da jornada novamente frustrado com a nulidade estética de festivais e … Continuar lendo

Publicado em (... LITURAS PRÓPRIAS ...), Cinema, Vida na Polis | Marcado com , , , , | Deixe um comentário

A Montanha dos Sete Abutres

“Disseram que o filme foi um fracasso, porque a esposa se revela como um monstro frio – nenhuma mulher convidaria o marido para ver esse filme. Acredito mais numa outra razão para o fracasso, a de que o verdadeiro canalha … Continuar lendo

Publicado em (... LITURAS PRÓPRIAS ...), Amor, Ódio e Ignorância, Cinema | Marcado com , , , , , , , , , , , , | Deixe um comentário

O RomanSOMnho do Escricantor

Há 89 anos Tim Finnegans caía. Hoje, quase 90 anos depois, continuamos a ouvir seu corpo rolar pela escada: “The fall (bababadalgharaghtakamminarronnkonnbronntonner-ronntuonnthunntrovarrhounawnskawntoohoohoordenenthurnuk!)” nos reunimos no último e a cada 16 de junho, para apreciar a melodia da sua queda. James Joyce … Continuar lendo

Publicado em (... LITURAS PRÓPRIAS ...), Amor, Ódio e Ignorância, Cinema, Literatura | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Revisitando Gainsbourg

(…) O filme é tecnicamente perfeito e extremamente oportuno para o triste momento em que vivemos enquanto espécie. Refletir sobre Serge e os imperativos morais que impedem a apreciação de sua obra traça uma triste imagem de nosso caricato momento. … Continuar lendo

Publicado em (... LITURAS PRÓPRIAS ...), Amor, Ódio e Ignorância, Belas Artes, Cinema | Marcado com , , , , , , , | Deixe um comentário

O Herói Sujo

A echarpe e o chapéu coco seriam insuficientes, mas eram todo o arsenal de que Olia Ginsburg dispunha para lutar contra o inverno parisiense que naquele ano havia reinado rigoroso pelos domínios gauleses. Com estes atravessara a cidade em direção … Continuar lendo

Publicado em (... LITURAS PRÓPRIAS ...), Amor, Ódio e Ignorância, Cinema, Crônicas, Música | Marcado com , , , , , , , , | Deixe um comentário

Cinema (por Ascenso Ferreira)

  “-Mas D. Nina, aquilo que é o tal de cinema? O homem saiu atrás da moça, pega aqui, pega acolá, pega aqui, pega acolá, até que pégou-la. Pegou-la e sustentou-la! Danou-lhe um beijo, danou-lhe um beijo!… Depois entram pra … Continuar lendo

Publicado em Cinema, Literatura, Poesia | Marcado com , , , , | Deixe um comentário