EsClaricendo

Meu reflexo encontrado no profundo vazio especular se  reflete naquilo que leio em Clarice Lispector. Ali encontro eu próprio, meus nós, meus deslindes, o emaranhado supremo da vida. Lá encontro também uma Vereda, um caminho por onde atravessar a nuvem de fantasia que nos cega a vista e nos dispõe em peleja. Clarice que possui…

Tristeza, riso, poesia

Não há vida feliz. Ao contrário do que as pessoas comuns vulgarmente repetem (que em todos os momentos da historia sempre se buscou a felicidade como objetivo maior de qualquer vida) a felicidade é uma construção recente: é moderna, filha da revolução industrial que colocou nossa alma em uma esteira fordista transfor-mando-nos em mais um…

A Maldição da Letra

A letra é uma maldição. A letra e suas filhas: a literatura, a poesia, a filosofia. Juntas são um espinho cravado na carne, um colorido distinto nos olhos que nos transporta a visão sempre para o que na vida não funciona. O pequeno conto de Voltaire abaixo é muito expressivo do milenar dilema entre a…