A Dor da Espera

Ai, quem me dera chegar a primavera
Dos sabores e cheiros, da fruta e do jasmim
E da vida, esta estranha dona, se gozasse tanto
Que a dor que estala sumisse de mim.

Ai, quem me dera ver nascer a fera
Que ao lado do anjo, conheceria o amor.
Daqueles que nos deixam qual imbecis.
Quem dera Tanathos cedesse ao meu clamor.

Ah, se as esperanças se tornassem boas
E eu achasse que fosse até bem capaz
Que uma Penélope, das que não se vê nas ruas,
Descesse âncoras e atracasse em meu cais

Minha vida medonha não deixaria jamais
De se transformar em uma Ítaca enfim
E o éter, o giz e a louça da atriz seriam demais
No coração de bicho e no beijo de gim.

Ai, quem me dera não precisar nunca-mais
Navegar à Tróia nem vagar a esmo assim
Cruzar, que alegria, da solidão a fronteira
E ouvir um canto desejoso de mim.

(por Pedro Gabriel, Recife, 21/12/2006)

Imagem: William Turner: Ulisses zombando de Polyphemus

Anúncios

Sobre Pedro Gabriel

www.lituraterre.com
Esse post foi publicado em (... LITURAS PRÓPRIAS ...), Amor, Ódio e Ignorância, Diário e marcado , , , . Guardar link permanente.

4 respostas para A Dor da Espera

  1. Clarissa disse:

    Lindo, Pedro. Com quantas dores se faz um poema bonito assim ? E eis que sua veia de poeta está aparecendo…. deixe-a a aparecer mais. beijo

  2. Mariana Maia disse:

    Procurei seus escritos pelo mês – agosto – mês do meu aniversário. E sem saber o que procurava, penso encontrar grande tesouro. Gosto muito. Não deixe de escrever. Como diz Clarice: Enquanto eu tiver perguntas e não houver respostas… continuarei a escrever”. Bom feriado hoje, 01.05.2012.

    • Pedro Gabriel disse:

      Querida Mariana, o modo como visitas e aproveitas o blog dá a ele o sentido profundo de sua existência: se prestar como nau a uma navegação íntima das torrentes mais próprias de nossa condição. Trabalho diariamente neste projeto para que hajam momentos como este que você me descreve. Agradeço sinceramente por partilhares dele comigo. Pedro.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s